sábado, 11 de julho de 2015

Helena Petrovna Blavatsky ou Madame Blavatsky e o Movimento Teosófico




Criadora da Teosofia – Theo (Deus, Divina, Divindade) Sophia (Sabedoria) = Sabedoria Divina
Segundo Blavastky, todas as religiões e filosofiaSconcordam em essência diferindo apenas na vestimenta, pois todas foram inspiradas na religião “Verdade”. A Doutrina Secreta, é a maior obra literária da carreia de H.P.B. O primeiro volume é dedicado à “Cosmogênese” e reúne estudos sobre a Evolução do nosso Universo, tudo baseado nas estâncias de Dzyan que segundo a autora seriam pergaminhos antigos de origem Tibetana, escritos em folhas de palma e que conteriam registros de toda a evolução da humanidade em uma língua desconhecida pelos Filólogos denominada Senzar. O Segundo livro contém uma série seguinte de Instâncias do mesmo livro enigmático que descrevem  Evolução Humana ou “Antropogênese”. A Doutrina Secreta foi publicada em seis volumes. H.P.B alegava que não era autora dos livros, mas que estes teriam sido escritos pelos Mahatmas, seres humanos que através do poder da vontade e da evolução espiritual em várias encarnações atingiram um estado avançado. Os Mahatmas possuem grandes conhecimentoS e poderes protegem e instruem a humanidade, são os grandes mestres de sabedoria cujos ensinamentos encontram-se no coração de cada religião, filosofia e ciência.

Mas foi anteriormente em 1875 que H.P.B escreveu e publicou sua primeira grande obra: Isis sem véu – uma obra que menciona a história do desenvolvimento das ciências ocultas, a natureza e origem da magia as raízes do cristianismo e segundo as perspectivas da autora, os erros da teologia cristã e os enganos estabelecidos pela ciência ortodoxa. Neste ano Blavatsky foi naturalizada cidadã estadunidense, e em 1879 ela e seu maior colaborador e co-fundador da sociedade Teosófica o coronel Olcott, transferiam a sede da S.T. para Adiar na Índia. A Teosofia segundo sua maior defensora, é o substrato e a base de todas as filosofia e religiões do mundo ensinada e praticada por uns poucos eleitos desde que o homem se converteu em pensador.

Basicamente a Teosofia defende a Fraternidade Universal, a origem espiritual das formas e dos seres e a Unidade de toda a vida. Defende a fonte única e eterna para todo o conhecimento e significa “sabedoria divina”, foi cunhada em Alexandria no Egito no século III dc. por Amonio Sacas e seu discípulo Plotino dois filósofos Neoplatônicos, que fundaram juntos e escola Teosófica Eclética, e eram conhecidos como “Philaleteus” ou “Amantes da Verdade”. A Moderna Teosofia enquanto sucessora desta escola, parte em busca da sabedoria, não pela mera crença, mas pela investigação direta da verdade manifesta no homem, e na natureza.

Já dizia Blavatsky, que a Teosofia ou  “o verdadeiro ocultismo”, é a Grande renúncia ao Eu. Incondicional e Absolutamente, tanto em pensamento quanto em ação, é o puro altruísmo que o teósofo genuíno manifesta em sua vida diária como serviço à humanidade. A Teosofia se apresenta como uma ponte entre as diversas culturas. É um conhecimento interdisciplinar. E por isso ela requer uma abertura mental, um espírito crítico e um constante desafio a dogmas, rotinas e burocracia de todo tipo, inclusive religiosas e seu estudo abre as portas do conhecimento para que cada um possa experimentar e compreender uma verdade revolucionária:  O fato de que sua alma é uma parte viva do todo Universal. Inevitavelmente a Filosofia Esotérica mais autêntica trabalha para que a humanidade se liberte de crenças cegas e automáticas, ela dá elementos para que cada indivíduo possa desenvolver uma compreensão autônoma e solidária da vida, e do Universo. 

O movimento Teosófico com suas diversas escola de pensamento, oferece um vasto campo de testes e aprendizado. Sendo humano, movimento tem dentro de si o joio e o trigo, verdades e ilusões, a letra morta e o espírito que vivifica, a busca sincera dos objetivos do movimento é desenvolver o seu discernimento e fazê-lo ver além das aparências, sem cair no dogma, na rotina ou no ritual.

CLIQUE EM MANUAL DE TEOSOFIA  PARA LER O LIVRO.

CLIQUE EM "A DOUTRINA SECRETA VOLUME I" PARA LER O LIVRO.

CLIQUE EM ISIS SEM VÉU VOLUME I PARA LER O LIVRO 



Ocultismo, ou filosofia esotérica, nada tem a ver com “artes ocultas”, mas se refere à ciência que leva à compreensão altruísta do universo e da vida, situado além do mundo da forma e por isso “oculto”. O essencial é invisível aos olhos. A filosofia oculta ou esotérica investiga aquilo que é transcendente, e faz isso a partir do ponto de vista da ética universal e com base no princípio do respeito por todos os seres. - em "A Doutrina Secreta" H.P.B