quinta-feira, 16 de outubro de 2014

A Profissão do Terapeuta Holístico

O terapeuta holístico é o profissional que atua no tratamento complementar de doenças e distúrbios físicos e/ou psíquicos. O holismo pressupõe uma abordagem que atua no problema como um todo, não fragmentado ou tratado apenas pela parte problemática ou doente. Assim, para o terapeuta holístico, uma doença ou problema não resume a algo físico: "a abordagem holística acredita que os elementos emocional, mental, espiritual e físico de cada pessoa formam um sistema, e objetiva tratar de toda a pessoa em seu contexto, concentrando-se tanto na causa da doença como dos sintomas".

O terapeuta, portanto, entende que determinado problema que aflige o indivíduo que o busca é efeito de uma desarmonia, de um desequilíbrio, e a terapia tem como objetivo resgatar o equilíbrio do indivíduo. Para tal, este profissional pode utilizar de diversos métodos e abordagens: psicoterapia, aromaterapia, cromoterapia, florais de Bach e outros, massoterapia, acupuntura, reiki, do-in, reflexologia, iridologia etc.



Atribuições profissionais do Terapeuta Holístico

As atribuições profissionais do terapeuta holístico variam de acordo com o método ou abordagem que pratica. Mas no geral, costuma ser:

- Realização de anamnese;

- Explicar ao consulente o tipo de terapia utilizada;

- Aplicar o método/abordagem de acordo com a queixa levantada na anamnese;

- Trabalhar como complemento às terapias convencionais/alopáticas;

- Buscar um equilíbrio integral - holístico - do consulente.
Formação profissional

Para se tornar um terapeuta holístico não há uma formação específica ou obrigatória, pois a profissão não é regulamentada por lei federal. Entretanto, assim como em qualquer área, é muito importante e destaca o profissional dos demais, a formação em cursos, a busca por formação e estudos contínuos. Para tal, o terapeuta holístico pode optar por uma gama variada de cursos livre e especialidades.
Quais características são necessárias para esta profissão?

- Sensibilidade
- Intuição
- Gostar de ouvir
- Visão holística da vida
- Paciência
- Gostar de estudar
- Autodidatismo
- "Mente aberta"


O Mercado de Trabalho


O mercado de trabalho para o terapeuta holístico frequentemente é autônomo, o terapeuta abre o seu consultório ou espaço de atendimento. Também pode trabalhar junto a spas, clínicas de estética, institutos, ou outras clínicas que oferecem serviços integrados ou complementares. É comum também terapeutas holísticos de especialidades diferentes que dividem consultório ou abrem clínica juntos. Como a profissão não possui uma regulamentação federal, é importante que o terapeuta se informe com um contador da cidade em que pretende atuar para saber como abrir o seu espaço, obter alvará, etc. Por ser uma profissão aberta, que não exige uma escolaridade mínima ou uma formação específica, o mercado tende a ser competitivo dependendo da região em que o terapeuta atuará. Por isso, se destacará o profissional com formação em alguma das áreas da terapia holística, e que se mantém atualizado. Além disso, é muito importante que o terapeuta holístico filie-se a um sindicato de terapeutas (como por exemplo, o SINTE), que pode auxiliá-lo em questões técnicas e legais, além de manter-se informado com relação a desenvolvimentos na sua área de atuação.
Faixa Salarial

Tendo em vista que o terapeuta holístico costuma trabalhar de forma autônoma, os rendimentos são variáveis de acordo com o valor que o profissional cobra por seu atendimento e pelo número de atendimentos que realiza por mês.

FONTE : http://www.primecursos.com.br/guia-de-profissoes/terapeuta-holistico