segunda-feira, 25 de março de 2013

Celebrando de 19 a 25/03, com o Sagrado Feminino

fonte : Blog Luz Interior
por Tina Simão

Abaixo a comemoração diária da Deusa nas várias culturas através do mundo:

19 – festival grego dedicado a Athena,  deusa da sabedoria, justiça e estratégia.
Celebração na Índia de Sitala,  deusa das febres, invocada para curar doenças contagiosas.
Invoque a energia da inteligência criativa de Athena/Minerva.Acenda uma vela amarela e faça um exercício de respiração, relaxando sua mente. Procure ligar-se com seu interior, interpretando sua vida e descobrindo soluções e inovações para sua existência ou meios para desenvolver e expressar sua habilidade mental ou manual.
20 – no hemisfério sul, equinócio de outono com a entrada do sol no signo de áries e inicio do ano novo zodiacal.

Os celtas celebram o sabbat Alban Eilir ou Ostara, simbolizando o renascimento da natureza e da vegetação.

Na Grécia celebrava-se o retorno da deusa Perséfone do reino subterrâneo de Hades. Sua mãe, Ceres, feliz com seu retorno celebrava-o enchendo a terra com folhas e flores.
Festival egípcio da primavera celebrando a deusa Ísis.

Celebre o ano novo zodiacal começando um novo projeto, atitude, decisão, compromisso. Revitalize suas energias, renove seu entusiasmo e desperte sua força de vontade e criatividade, invocando as bênçãos das deusas para sua vida.

21 – festival grego da criação do ovo cósmico gerado pela deusa Eurynome e fertilizado pelo deus em forma de serpente Ophion.
Celebração da deusa celta da primavera Eostre ou Ostara, com oferendas de ovos coloridos colocados em ninhos de palha. Estas antigas celebrações originaram os costumes atuais de presentear com ovos de chocolate na Páscoa.
Na mitologia irlandesa, a cidade sagrada de Tara foi fundada neste dia pelas princesas Tea e Tephi.

22 – celebração de Bast, a deusa egípcia com cabeça de gato, padroeira dos gatos um dos animais mais sagrados para os egípcios.
Festival do riso Hilaria, em Roma.
Celebração da deusa Ininni da mesopotâmia, regente da água e natureza.
Dia consagrado a deusa hitita da sexualidade e do amor Inara, esposa do deus do trovão Hooke.
23 – comemoração de Maat no Egito, deusa da justiça e da verdade, que analisava a pureza dos corações dos mortos comparando-os á pena de avestruz.

Homenageava-se também Shait, a deusa egípcia do destino que acompanha as pessoas desde seu nascimento, observando suas virtudes, vícios, erros e realizações.
Danças romanas Salii para expulsar os espíritos maléficos do inverno e estimular o crescimento das plantas com rituais mágicos.

24 – em Roma, comemoração da deusa Cibele, a grande mãe.
Celebração da deusa Prytania ou Britannia, padroeira de Albion (Grã Bretanha) cuja moeda aparece nas moedas inglesas.
Na Irlanda, reverenciava-se Emer, deusa da luz solar, da beleza e do conhecimento.
Dia dedica a Heimdall, o deus nórdico guardião de Byfrost, a ponte do arco Iris, que liga o mundo dos homens ao mundo dos deuses.

Dia do Arcanjo Gabriel, protetor das mulheres que desejam engravidar e das almas dos fetos.
25 – festa da anunciação celebrando a concepção de Jesus.
Celebração na pérsia, da deusa da fortuna e prosperidade Ashisti Vanuhi, invocada por aqueles que estavam em dificuldades materiais.
Comemoração do deus Marte e de sua consorte, deusa Neria.
Tina Simão