segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

MORTES COLETIVAS

 (imagem filme Nosso Lar)

 artigo retirado do facebook página: Mãe maria de Nazaré.
☆ ¸.•´¯`•.¸☆..•.✿.☆

As mortes coletivas acontecem por fenômenos cármicos, decorrência natural da lei de causalidade. Aqueles que coletivamente feriram, magoaram, agrediram, desrespeitaram, as leis de uma ou de outra forma, encontram-se nas sucessivas jornadas da reencarnação para coletivamente resgatarem os crimes perpetuados.

Quantas vezes, uma lei arbitrária é atirada contra um povo, ou contra um grupo social, político, religioso, racial, fundamentado em preconceitos e injustiças, e essa lei que é firmada para alguém, foi elaborada por assessores, foi transmitida por grupos que tinham interesses subalternos e que depois de firmada vai explorar muitas vidas e afligi-las.

Quantas vezes, em cumplicidade, grupos se reúnem, para caluniar, para denunciar, para infelicitar, para dividir, para esmagar, e como conseqüência, ficam em débito com a consciência cósmica.

Através das sucessivas experiências, mesmo que venham realizar novas jornadas, reencontram-se pela lei de afinidade para resgatar aqueles crimes, aqueles terríveis delitos por intermédio dos fenômenos naturais: maremotos, terremotos, tragédias como acidentes coletivos, epidemias, pestes, ou através de guerras. A história nos fala que periodicamente no passado ocorreram terríveis massacres.

Mas, os que se dedicaram ao Bem, à caridade, ao amor ao próximo, podem mudar seu carma. Estes, são aqueles que, escaparam "por sorte", ou melhor, por mérito, do resgate coletivo. Ex.: "Eu não morri no incêndio do prédio em que trabalhava porque perdi a hora. Isto nunca me aconteceu. Mas este atraso salvou-me a vida."
_____________________________________
É Bom Lembrar...

A visão espírita não deve, de modo algum tentar interferir na perícia e no trabalho daqueles que são especializados em descobrir as causas físicas de acidentes e tragédias. Respeitamos reciprocamente a todos os especialistas técnicos, expomos aqui um estudo baseado na Doutrina Espírita. Digamos então, que a causa espiritual desta tragédia foi resultado de algo do passado e que esses espíritos tiveram que se encontrar em determinado lugar para aparar as arestas que deixaram para trás.
Pedimos muita paz e ajuda espiritual a todos os que se foram, e pedimos também pelos que aqui ficaram e com certeza sentindo muita saudade dos que partiram.
Uma boa ilustração do trabalho de socorro espiritual às vítimas de diversas tragédias coletivas está no Filme Nosso Lar, quando o Ministro da cidade astral recebe uma notícia por espíritos de camadas superiores de que uma transição muito intensa de espíritos iria ocorrer, pois o Planeta iria entrar numa guerra de alcance mundial - Segunda Guerra Mundial.
- No Programa Pinga Fogo da antiga e extinta TV Tupi, Chico Xavier comenta sobre as mortes coletivas. Para assistir o vídeo é só clicar no link abaixo:
http://www.youtube.com/watch?v=NJf9KVUY_fU