quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

FILOSOFIA ESOTÉRICA - um pequeno resumo...


Filosofia Esotérica
Um pequeno resumo...
O termo espiritual normalmente associado com alguma forma de religião ou prática religiosa, na realidade tem uma conotação mais ampla, significa: "Toda atividade que impulsiona o ser humano à alguma forma de desenvolvimento físico, emocional, intuitivo, social - se for em sentido mais avançado que seu estado atual - é em essência de natureza espiritual". Segundo esta definição, cada palavra, pensamento e ação é potencialmente espiritual e capaz de melhorar a condição humana.
Desde os tempos mais antigos, um conjunto de ensinamentos espirituais conhecido como Sabedoria Eterna ou a "filosofia esotérica" foi transmitida de geração a geração, normalmente de forma oral, de instrutor a aluno. Esta sabedoria foi a "fonte" para as artes e ciências de incontáveis civilizações. É também o embasamento comum de todas as religiões do mundo.
Em tempos de grandes crises, este ensino se faz tornar conhecido de forma mais ampla e aberta. Nos últimos 100 anos, o ensino da Sabedoria Eterna foi-nos revelado através de pessoas como Helena Blavatsky, fundadora da Sociedade Teosófica, e mais tarde por Alice B.Bailey e Helena Roerich. Em 1948, o
iminente reaparecimento de Cristo foi revelado no livro de Bailey, A Reaparição do Cristo.

Universo Energético
Cada vez mais, o conceito de que tudo é energia, vibrando em alguma freqüência, está sendo aceito em escala cada vez maior, mudando o conceito da vida de muitas pessoas. Os cientistas podem agora demonstrar que a energia e a matéria, nada mais são, senão, estados diferentes de uma mesma realidade.
Sintetizando filosofias do Oriente e Ocidente, o esoterismo é a ciência do processo evolutivo no homem e na natureza - do ponto de vista energético e de consciência. Apresenta uma descrição sistemática e exaustiva da estrutura energética do universo e do papel do homem nele. É também a arte de compreender e trabalhar com estas energias que emanam das fontes mais elevadas.
O esoterismo postula que Deus é a soma total de todas as leis e todas as energias governadas por estas leis e que compõem todo o universo manifesto e não manifesto - tudo o que vemos e tudo o que não podemos ver. O homem por isto é uma Centelha Divina, um espírito expressando a si mesmo através de sua Alma e de uma personalidade, composta de um corpo mental, emocional e físico. Cada um de nos é, na sua essência, divino, mas a maioria dos homens reconhece ou demonstra esta divindade somente de forma limitada.

A lei do renascimento

O processo pelo qual gradualmente manifestamos esta divindade é o renascimento (reencarnação). Como crianças que entram no sistema educacional pré-escolar, começamos num nível muito b
ásico de expressão humana, sem compreender nossa verdadeira herança espiritual. Através da experiência de incontáveis vidas - vividas em muitos países, tradições culturais e religiosas diferentes, em corpos masculino e femininos - aprendemos muitas lições, através de êxitos e fracassos, e continuamos em nossa viagem evolutiva de volta a nossa Origem, levando os êxitos de cada vida para a seguinte.
O 'método' usado neste sistema educacional é a Lei da Causa e Efeito (ou em termos orientais, o karma) que a Bíblia descreve: "Colherás o que plantares". Em termos de física moderna, a Lei da Causa e Efe
ito pode ser resumida como: " Por cada ação há uma reação igual e contrária". Cada pensamento e ação produz uma causa que inevitavelmente conduz a certos efeitos - para o bem ou mal. Compreendendo e trabalhando dentro desta lei impessoal de Causa e Efeito, aprendemos a realizar melhores escolhas e gradualmente tomamos controle de nosso destino.As etapas deste progressivo auto-mestrado estão marcadas por grandes expansões de consciência conhecidas por Iniciações, que produzem uma visão e conhecimento cada vez mais profundo e inclusivos da verdadeiras natureza da realidade. A vida de Jesus representou simbolicamente estas iniciações em seu nascimento, batismo, transfiguração, crucificação e ressurreição.
O indivíduo que atinge a quinta iniciação (a ressurreição) é chamado de Mestre, significando que passou por todas as experiências que a vida oferece neste mundo e, no processo , adquiriu a total maestria sobre Si mesmo. Como tal, já não necessita encarnar, mas pode regressar voluntariamente num ato de serviço à humanidade e ao Plano de Deus.
Hierarquia Espiritual
Os Mestres, que juntos formam a Hierarquia Espiritual, tem a custódia do Plano Divino para este Planeta. Eles tem inspirado grandes êxitos humanos ao longo da história, trabalhando por trás dos bastidores através de seus discípulos em todos os campos do esforço humano. Os mestres guiam e ensinam, mas é a própria humanidade, respondendo com seu livre arbítrio aos estímulos Deles, que criam cada nova civilização.
Ao longo da história, quando a humanidade alcança um ponto importante de crise, a Hierarquia Espiritual envia um Instrutor para mostrar um caminho. Existiram muitos destes mensageiros espirituais: Krishna, Buda, Cristo que são apenas alguns exemplos. Agora nesta época crítica, os Mestres estão voltando ao mundo exterior pela primeira vez desde incontáveis milênios, junto com o Mestre de Todos os Mestres, Aquele que é o guia da Hierarquia Espiritual, Maitreya. A resposta da humanidade a este extraordinário estimulo criará, em seu momento, a nova e futura civilização.
Quem é o Cristo ?
Na tradição esotérica, a palavra Cristo não é o nome de um indivíduo, mas um cargo ou função dentro da Hierarquia Espiritual dos Mestres. Atualmente este cargo, é ocupado por Maitreya, que tem sido o Cristo nos últimos 2600 anos e ainda seguirá neste cargo durante toda a Era de Aquários, que se estenderá por mais uns 2000 anos.
Maitreya é o Irmão Mais Velho da família humana, tendo aperfeiçoado e manifestado dentro de Si a divindade que é latente em cada um de nós. Ele vem hoje nos revelar um novo aspecto de Deus e a guiar a humanidade através da nova fase de sua viagem espiritual.
Na Palestina há uns 2000 anos, Maitreya trabalhou através de seu discípulo Jesus. Desde o momento do batismo de Jesus no rio Jordão até sua crucificação, a consciência de Maitreya O incorporou. Este é o processo usado às vezes entre os Mestres e seus discípulos como um meio para apresentar um novo ensinamento à humanidade. Com o pleno consentimento e cooperação de Jesus, Maitreya pode assim liberar no mundo a grande força espiritual que chamamos amor. Jesus, que agora é um Mestre, desempenhou um papel importante preparando o caminho para o regresso de Maitreya e será um dos primeiros Mestres a ser apresentado ao mundo depois do Dia da Declaração.
O Anti-Cristo

Conforme a Sabedoria Eterna, o anticristo não é um indivíduo que vive num certo momento do tempo, mas uma energia liberada antes da chegada do Cristo. Vem a preparar o caminho para as forças construtivas do Cristo destruindo as antigas formas cristalizadas que obstruem o novo crescimento da sociedade. Sendo o anti-Cristo uma energia, esta se manifesta através de indivíduos e assim tem feito em diferentes momentos ao longo da história, mais notavelmente através do Imperador Nero nos tempos romanos, e mais recentemente através de Hitler e alguns de seus mais próximos colaboradores. Com a derrota das forças do Eixo (AXIS) durante a IIª guerra mundial, o trabalho da energia do Anti-Cristo terminou para esta era e não voltará a se manifestar até pelo menos em uns 3000 anos.
(Ensinamentos do Mestre Djwhal Khul através de Alice A. Bailey)

Você também poderá gostar de:

O QUE VOCÊ PROCURA?

Carregando...